fbpx

Dilma entra no BuzzFeed, mas pra quê?

Compartilhe!

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Não sei se foi por orientação da assessoria ou não, mas a candidata a presidência da república Dilma Rousseff teve um perfil criado no site BuzzFeed, um coletor de posts sobre curiosidades e listas.

Apesar de a postagem ter alcançado mais de quatro mil curtidas e mais de mil compartilhamentos, não acho que esse seja o mais adequado ambiente para a promoção da discussão política.

Será que isso representará o mesmo número de votos?

É uma boa discussão: curtidas em mídias sociais representam um bom resultado nas urnas?

Mesmo seguindo a linha editorial do site, abusando dos gifs animados e recomendando uma lista de motivos para votar na candidata do PT, o velho “estar por estar” em um veículo de comunicação não é uma estratégia de quem propõe um debate com o eleitor.

O BuzzFeed também foi utilizado na campanha que levou Obama à vitória, mas temos que entender que a estratégia por lá está muito mais ligada ao levantamento de fundos do que a captação dos votos dos eleitores.

– Campanha de Dilma cria postagem de apoio no Buzzfeed. (O Estado de S.Paulo)

Por Jackson Vasconcelos

Mais Publicações

Clipping

Não há democracia a defender.

Fico irritado, toda vez que ouço os agentes do Estado Brasileiro dizerem que tomam decisões em defesa da democracia. Sejam eles nomeados por concurso ou

Uncategorized

O baralho Brasil.

O coelho entra e anuncia:“Sua Graça!”“Sua Excelência!”“Sua Real Majestade!”“A Rainha de Copas!…”. E, com certo desprezo:“E o rei! “ A Rainha, então, reclama:“Quem pintou as

Quer aprender mais sobre política?

Conheça nosso curso.